Vitamina E: Conheça os 8 Benefícios para a Sua Saúde

Pense em uma vitamina que cuida da saúde ocular, previne doenças como o câncer, mau colesterol, diabetes entras? E que possui um papel importante na limpeza e manutenção do organismo, além de ajudar a manter o peso ideal. Esses são alguns dos motivos para incluir a vitamina E na sua alimentação.

Ela é uma vitamina lipossolúvel, que desempenha o papel de antioxidante no corpo. Essa vitamina também ajuda a prevenir danos causados pelos radicais livres, é necessária para o bom funcionamento de muitos órgãos do corpo e é extremamente útil em retardar naturalmente o envelhecimento (1).

Neste artigo eu irei abordar os benefícios e as principais fontes alimentícias dessa vitamina.

Não deixe de ler e compartilhar.

Vitamina E e os Benefícios

Vitamina E e os Benefícios para a Saúde. Imagem: (Divulgação)

Consumir alimentos ricos em Vitamina E traz vários benefícios para a saúde, que incluem:

1. Equilibra os Níveis de Colesterol

O colesterol é uma substância produzida pelo fígado e necessário para o bom funcionamento das células, nervos e hormônios. Quando os níveis de colesterol estão em seu estado natural, eles são equilibrados, normais e saudáveis. Mas quando se oxida, torna-se perigoso.

A vitamina E serve como um antioxidante protetor que combate a oxidação do colesterol (2).

Isso ocorre porque a vitamina E pode combater os danos dos radicais livres no corpo, que causam oxidação do colesterol.

2. Combate os radicais livres

vitamina-e-dr-juliano-pimentel-2
Vitamina E: Poderoso antioxidante. Imagem: (Divulgação)

Os radicais livres “quebram” as células saudáveis em seu corpo, podendo causar doenças cardíacas e até mesmo câncer.

Estas moléculas se formam naturalmente em seu corpo e podem causar danos severos quando aceleram ou oxidam.

A vitamina E é um poderoso antioxidante que tem o poder de reduzir os danos dos radicais livres, combater a inflamação e, portanto, ajudar a retardar o envelhecimento das células e combater problemas de saúde como doenças cardíacas (3).

Várias pesquisas têm demonstrado que a vitamina E pode aumentar significativamente a imunidade, ajudando a prevenir doenças comuns e condições graves de saúde (4).

3. Saúde da pele

A vitamina E ajuda a fortalecer as paredes capilares em sua pele e melhorar a sua umidade e elasticidade, agindo como um nutriente natural antienvelhecimento para o corpo.

Estudos apontam que a vitamina E ajuda a reduzir a inflamação, ajudando a manter a pele saudável e jovem (5).

Estas propriedades antioxidantes também são úteis quando você está exposto à fumaça do cigarro, ou raios ultravioletas da luz solar, protegendo contra o câncer de pele.

Tomar vitamina E com vitamina C combate a inflamação da pele após a exposição à radiação UV, e também pode ser útil para diminuir sinais de acne e eczema.

A vitamina E ajuda no processo de cicatrização na pele.

Ela é absorvida pela camada de epiderme da pele e pode ser usada para tratar queimaduras solares, que é uma das principais causas de câncer de pele, entre outros fatores.

Ela acelera a regeneração celular, o nutriente pode ser usado para tratar cicatrizes, acne e rugas. Isso faz com que sua pele pareça mais saudável e mais jovem.

4. Saúde do cabelo

Ela ajuda a diminuir os danos ambientais que afetam a saúde do seu cabelo. Ela também promove a circulação para o couro cabeludo.

O óleo da vitamina E pode reter a umidade natural em sua pele, que ajudará caso seu coro cabeludo seja seco, dando um aspecto mais saudável ao cabelo.

5. Equilíbrio Hormonal

A vitamina E pode ajudar a desempenhar um papel crucial no equilíbrio do sistema endócrino e nervoso, naturalmente, trabalhando para ajudar a manter seus hormônios equilibrados (6).

Os sintomas de um desequilíbrio hormonal podem incluir ganho de peso, alergias, infecções do trato urinário, alterações na pele, ansiedade e fadiga.

O equilíbrio dos hormônios auxilia na saúde do metabolismo, e com isso auxilia na perda de peso, ciclo menstrual regular e energia. 

6. Melhora a Visão

Diminui o risco de degeneração macular relacionada à idade, que é uma causa comum de cegueira. Tenha em mente que, para que a vitamina E seja eficaz para a visão, ela também deve ser consumida com ingestão adequada de vitamina C, beta caroteno e zinco.

Também foi descoberto que a vitamina E e vitamina melhoram a cicatrização e a visão de pessoas que foram submetidas a cirurgia ocular à laser.

7. Tratamentos Médicos

A vitamina E pode ser usada para diminuir os efeitos prejudiciais de tratamentos médicos tais como a radiação e a diálise. Isto porque é um poderoso antioxidante que combate os radicais livres no corpo.

Ela também é eficaz para reduzir os efeitos colaterais que podem causar perda de cabelo e danos pulmonares.

8. Resistência Física e Força Muscular

Two women Working Out In Gym
Vitamina E reduz o nível de estresse oxidativo em seus músculos. Imagem: (Divulgação)

Essa vitamina pode ser usada para melhorar sua resistência física.

Ela aumenta sua energia e reduz o nível de estresse oxidativo em seus músculos após o exercício (8).

A vitamina E também pode melhorar a sua força muscular, ao eliminar a fadiga promover a circulação sanguínea.

Fontes da Vitamina E

Vitamina E: Iogurte de Kefir e kiwi. Imagem: (Divulgação)

Abaixo eu listei os principais alimentos ricos em Vitamina E, para que você inclua na sua alimentação.

  • Sementes de girassol;
  • Amêndoas;
  • Avelãs;
  • Manga;
  • Abacate;
  • Abóbora;
  • Brócolis;
  • Espinafre;
  • Kiwi;
  • Ovo;
  • Tomate.

Se você quer aumentar a sua ingestão de vitamina E, inclua esses alimentos na sua alimentação.

Deficiência em Vitamina E

As deficiências dessa vitamina são raras e quase nunca são causadas pela alimentação. Existem situações específicas que podem levar a uma deficiência de vitamina E.

Um bebê prematuro, que nasce pesando menos de 3,5kg, pode sofrer com a deficiência de vitamina E. Mas um pediatra que se especializa no cuidado de recém-nascidos normalmente irá avaliar as necessidades nutricionais do bebê.

Pessoas com problemas de absorção de gordura, como ocorre com quem quem luta contra doenças inflamatórias intestinais, também podem sofrer com a deficiência.

As pessoas que têm um problema com seus níveis de gordura na dieta também estão em risco, porque isso é necessário para a absorção desse nutriente.

Isso inclui qualquer pessoa que tenha sido diagnosticada com fibrose cística, tenha feito redução do estômago, que tenham problemas de má absorção ou insuficiência pancreática.

Os sintomas da deficiência em Vitamina E incluem perda de coordenação muscular, visão e fala prejudicada.

Você deve ter notado que basta ter uma alimentação saudável para ter uma dieta rica em Vitamina E.

Da mesma forma como essa vitamina age como antioxidante prevenindo o envelhecimento precoce, os alimentos processados possuem efeito contrário, prejudicando a sua saúde.

Por isso e por outros motivos, é essencial você excluir esse tipo de alimentação da sua vida. Não basta consumir os alimentos ricos em Vitamina E. Você precisa fazer mudanças significativas no seu cardápio e estilo de vida.

Dr Juliano Pimentel.

%d bloggers like this: