Aprenda a cuidar de sua coluna e evitar lesões

Aprenda a cuidar de sua coluna e evitar lesões

Vários tipos de acidentes podem causar lesões na coluna. Dependendo da gravidade do trauma, a fragilidade óssea e a flexibilidade da coluna podem ser transformadas em diferentes graus de lesão.

Devido à estreita conexão entre a coluna vertebral e a medula espinhal e raízes nervosas, não é difícil entender que essas estruturas também podem ser temporariamente ou permanentemente danificadas, resultando na redução ou perda das funções motoras ou sensoriais abaixo da coluna vertebral.

A pesquisa científica sobre o tratamento dessas lesões tem uma longa história, e o impacto dos primeiros atendimentos aos pacientes no local do acidente, transporte, hospital e reabilitação é conhecido.

No entanto, os resultados muitas vezes ainda são incompletos e frustrantes.

Estima-se que, globalmente, cerca de 500.000 pessoas sofrem fraturas vertebrais devido a danos nos nervos a cada ano.

Além de enormes custos pessoais, isso também significa um pesado fardo econômico, familiar e social.

Como prevenir?

Aprenda a evitar lesões na coluna
Créditos da imagem Freepik

Nesse tipo de lesão, a prevenção é muito importante! Aprenda dez dicas para reduzir o risco dessas lesões:

  • Use sempre o cinto de segurança e uma cadeira adequada para o transporte de crianças.
  • Não dirija um veículo sob a influência de álcool, drogas ou tranquilizantes.
  • Não use ferramentas que o distraiam ao dirigir, como telefones celulares.
  • Remova todos os objetos da casa que possam dificultar a movimentação segura de idosos.
  • Nunca mobilize ninguém que suspeite de uma lesão na coluna sem a supervisão de profissionais médicos de emergência.
  • Se você é ciclista, por favor, obedeça aos sinais de trânsito e evite usar “telefones celulares”.
  • Devido ao alto risco de lesões na coluna, você deve ser extremamente cuidadoso ao praticar esportes radicais e equitação.
  • Preste muita atenção às crianças. Uma queda de alguns centímetros pode causar ferimentos graves.
  • Evite mergulho de cabeça, se você realmente quiser ter certeza de que a profundidade excede 3 metros.
  • Nunca jogue ninguém na piscina de surpresa.

O que devemos fazer em caso de lesão?

No caso de um acidente grave, entre imediatamente em contato com o pessoal de emergência médica e evite o contato com o pessoal para evitar mais ferimentos.

Preste atenção aos seguintes sinais: Dor nas costas intensa, perda de sensibilidade nos membros ou perda de controle de uma parte do corpo.

Esses sintomas devem motivar a procura de um especialista para avaliar a situação clínica e recomendar o tratamento prescrito.

O tratamento das lesões da coluna vertebral requer uma equipe com expertise e experiência nessas patologias.

Nos últimos anos, a evolução dos procedimentos cirúrgicos, que aliados ao plano de reabilitação, nos permitem enfrentar o prognóstico desta patologia com maior esperança. No entanto, o prognóstico depende do tipo de lesão e de sua extensão.

Lembre-se de que é melhor prevenir do que remediar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: