Pessoas imunizadas com vacinas diferentes não conseguem tirar certificado pelo ConecteSus

0
12

Pessoas que receberam imunização alogênica contra Covid-19 (ou seja, doses de marcas diferentes) relataram que é difícil emitir certificados de vacinação no aplicativo ConnectSUS do Ministério da Saúde

Enquanto o protocolo federal prevê essa mistura de agentes de imunização, a Pasta admite que não fornece certificação para aqueles que tomaram doses de marcas diferentes. O governo não explica o motivo da decisão.

Além de permitir viagens ao exterior, a confirmação da vacinação tornou-se rotina nas cidades brasileiras que aceitam diferentes modelos de passaporte médico. Pelo menos 249 municípios criaram essas políticas, também usando a certificação ConnectSUS.

O documento teria de ser oferecido a quem recebeu a AstraZeneca e a Pfizer, pois a prática é aconselhada por especialistas e estipulada na norma federal.

veja mais sobre:

O ministério informou em comunicado que o certificado ConnectSUS será emitido para as pessoas que concluírem o programa de vacinação de duas ou uma única dose. No entanto, ele acrescentou “para quem concluiu o esquema vacinal com doses de vacinas diferentes [intercambialidade das vacinas contra a Covid-19] não é permitido a emissão do certificado de vacinação” pelo aplicativo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui