Gordura visceral: o que é e como eliminar

0
490
Gordura visceral

A gordura visceral é indispensável no corpo humano, mas pode causar muitos transtornos quando em excesso. É o tipo de gordura que não fica visível nos contornos do corpo, mas que pode estar ocupando um grande espaço por dentro.

Sua função é proteger os órgãos do sistema digestivo, e quando ultrapassa os limites e alcança outros sistemas, como o respiratório, pode causar inúmeros males e doenças.

Toda a comida que alguém ingere e não elimina em gasto energético pode virar gordura no organismo. O corpo humano transforma o excesso de calorias ingeridas através da alimentação em dois tipos de gordura: subcutânea e visceral.

Apesar de ambas serem gorduras e adquiridas da mesma forma, elas precisam ser pensadas de formas diferentes.

A gordura subcutânea é a que fica alojada na parte externa e interna da pele. O famoso “pneuzinho” é um exemplo desse tipo de gordura. Visível por mudar os contornos do corpo, a gordura subcutânea pode ser entendida como a “gordura superficial”.

Já a gordura visceral é bem mais interna. Ela se encontra entre os órgãos da caixa toráxica. Ou seja, aqueles que compõe o sistema digestivo, respiratório e cardíaco, por exemplo.

Como eliminar gordura visceral em excesso

Para o bem da saúde, gordura visceral em excesso necessita ser eliminada do corpo

Gordura visceral em excesso precisa ser eliminada para o bem da saúde (Foto: depositphotos)

Em primeiro lugar, é necessário mudar os hábitos alimentares. Esse tipo de gordura é difícil de eliminar, então será necessário seguir uma dieta hipocalórica, ou seja, uma dieta em que a ingestão de calorias seja menor do que a queima das mesmas.

Somente dessa forma é possível eliminar a gordura visceral, e ainda de bônus eliminar a gordura subcutânea. Mas obviamente você também vai precisar fazer alguma atividade física, para conseguir queimar mais calorias do que ingere.

Sem praticar algum exercício, vai ser muito difícil perder a gordura visceral. Por mais que o nosso corpo sempre esteja queimando calorias através de gastos energéticos das funções do corpo, essa queima  de gordura é lenta e pouca.

Veja Mais: Shake Caseiro para secar barriga rapidamente

Os melhores exercícios para a perda de gordura no corpo (seja visceral ou subcutânea) são os exercícios cardiovasculares. Caminhada, corrida, bicicleta, dança, zumba e aeróbica são os mais conhecidos. A natação também é excelente para a eliminação de gordura visceral.

Com esses exercícios, o corpo é capaz de eliminar as gorduras e ainda melhorar a atividade do coração e da corrente sanguínea, funções que podem ser prejudicadas pelo acúmulo de gordura no corpo. Além de tudo, ainda ajudam a ter melhores noites de sono e manter o peso ideal.

Nada de açúcar

Gordura corporal tem como aliado o açúcar

Açúcar é um dos aliados da gordura corporal (Foto: depositphotos)

Ainda falando sobre alimentação, o açúcar é um grande inimigo para quem precisa eliminar gordura visceral. Responsável pela ingestão e produção de glicose no organismo, o açúcar é também a principal fonte de alimentação das reservas de gordura no corpo humano.

Tudo que alguém come vira glicose no organismo, então a melhor saída é tentar diminuir os alimentos que mais são responsáveis por aumentar essa produção de glicose. Evite ingerir açúcares, massas e, claro, gorduras.

Consuma alimentos termogênicos

Gordura visceral Gordura corporal pode ser eliminada com o auxílio de alimentos termogênicos

Alimentos termogênicos são amigos na hora da redução de gordura corporal (Foto: depositphotos)

Os alimentos termogênicos são aqueles que são capazes de acelerar a queima de calorias e o metabolismo. Ao consumir alimentos desse tipo, a queima de gordura é acelerada.

Veja Mais: Low carb: vantagens da alimentação e receitas do cardápio de Bruna Marquezine

Junto a uma alimentação saudável e a prática de exercícios, os termogênicos podem servir como acelerador no processo de redução da gordura visceral.

Entre os principais alimentos termogênicos que podem acrescentar a dieta estão a canela, o gengibre, café, mostarda e alguns chás, como o chá verde e o de hibisco.

Alimentos para evitar

Contra a gordura visceral, evite consumir alimentos embutidos (Foto: depositphotos)

Alguns alimentos precisam ser evitados por quem quer perder gordura visceral. Algumas opções já são conhecidas por prejudicar o organismo e ainda aumentar o ganho de peso, outros até parece opções saudáveis, mas também devem ser evitados.

  • Evite comer frutas com alto teor de açúcar, como uvas, caquis, figos e jabuticabas, por exemplo. Apesar de terem muitos nutrientes, essas frutas são ricas em açúcares.
  • Não consuma alimentos embutidos. Eles precisam passar bem longe da dieta de eliminação de gordura visceral. Os principais são presunto, mortadela, calabresa e a carne enlatada.
  • Não beba refrigerante. São uma grande fonte de açúcar e de ingredientes que reduzem o metabolismo e a queima de gordura.
  • Tire as frituras do cardápio. Precisa opções grelhadas e cozidas no vapor.
  • Evite bebidas alcoólicas. São fonte de calorias e aumentam o acúmulo de gordura visceral.

Obesidade visceral

A obesidade visceral é quando a gordura visceral ultrapassa o limite saudável no corpo.

Como dito antes, esse tipo de gordura é essencial no organismo humano e sempre precisamos ter um pouco dela para proteger e assegurar o bom funcionamento dos órgãos que estão em nossa caixa toráxica e barriga, mas não podemos acumular muito.

Entre os problemas causados pela obesidade visceral, em primeiro lugar está a disfunção metabólica.

Esse tipo de gordura, quando em maior quantidade, interfere no metabolismo causando propensão a obesidade de fato e no desenvolvimento de doenças relacionadas, como colesterol alto, diabetes e hipertensão.