Queratina: veja 5 mitos e verdades sobre a proteína

Queratina: veja 5 mitos e verdades sobre a proteína
Conteúdo Criado e Revisado pela nossa equipe

Queratina: Veja 5 Mitos e Verdades Sobre a Proteína. A queratina é uma proteína que desempenha um papel crucial na saúde e na aparência dos cabelos, unhas e pele.

Muitos produtos de beleza e tratamentos capilares promovem a queratina como um ingrediente chave para melhorar a qualidade dos cabelos e unhas.

No entanto, como acontece com muitos conceitos relacionados à saúde e à beleza, existem muitos mitos e informações incorretas circulando sobre a queratina.

Neste artigo, vamos explorar cinco mitos e verdades sobre o uso para ajudar você a entender melhor essa proteína e como ela pode afetar sua rotina de cuidados pessoais.

Queratina

Mito 1: A Queratina Pode Reparar Cabelos Danificados

Verdade: Ela é frequentemente promovida como um ingrediente que pode reparar cabelos danificados. Isso é parcialmente verdadeiro.

A queratina é uma proteína fibrosa que constitui a estrutura dos cabelos. Quando os cabelos estão danificados devido ao uso frequente de ferramentas de calor, produtos químicos ou exposição a elementos ambientais adversos, a estrutura da queratina nos fios pode ser comprometida.

A aplicação de tratamentos capilares que contenham essa substância pode ajudar a fortalecer e reconstruir temporariamente essa estrutura, tornando os cabelos menos quebradiços e mais suaves.

No entanto, essa substância não é uma solução permanente para cabelos gravemente danificados, e o uso excessivo de tratamentos de queratina pode levar ao acúmulo da proteína nos fios, tornando os cabelos rígidos e quebradiços.

Mito 2:  Pode Alisar o Cabelo de Forma Permanente

Mito: A queratina não alisa o cabelo de forma permanente. No entanto, os tratamentos de alisamento capilar que contêm essa substância, como o popular tratamento de “escova progressiva”, podem temporariamente relaxar os cachos e diminuir o frizz.

Esses tratamentos funcionam aplicando produtos contendo queratina e outros ingredientes alisadores nos cabelos e, em seguida, selando-os com calor.

O resultado é um cabelo temporariamente mais liso e fácil de pentear. No entanto, os efeitos desse tipo de tratamento não são permanentes e geralmente duram algumas semanas a alguns meses, dependendo do tipo de cabelo e da manutenção adequada.

Mito 3:  Deixa os Cabelos Mais Pesados

Mito: A queratina em si não deixa os cabelos mais pesados. Na verdade, a queratina é uma proteína relativamente leve.

No entanto, os produtos de cuidados capilares que contêm essa substância podem conter outros ingredientes que deixam os cabelos com uma sensação de peso ou acúmulo, especialmente se usados em excesso.

É importante seguir as instruções do produto e evitar o uso excessivo para evitar que os cabelos fiquem sobrecarregados.

Mito 4: Todos os Tipos de Cabelo Precisam dessa substância

Mito: Nem todos os tipos de cabelo precisam de tratamentos com queratina. A necessidade dessa substância depende do estado atual dos seus cabelos.

Se seus cabelos estão saudáveis e bem cuidados, pode não haver necessidade de tratamentos com queratina.

No entanto, se você tem cabelos danificados, quebradiços ou frágeis, um tratamento com essa substância pode ser benéfico para ajudar a restaurar a força e a elasticidade dos fios.

É importante avaliar suas necessidades específicas de cuidados capilares antes de decidir usar produtos de queratina.

Mito 5:  Pode Causar Danos aos Cabelos

Verdade: Embora a queratina possa ser benéfica para cabelos danificados, o uso excessivo de produtos dessa substância ou tratamentos inadequados pode, na verdade, causar danos aos cabelos.

Como mencionado anteriormente, o uso excessivo dessa substância pode levar ao acúmulo da proteína nos fios, tornando-os rígidos e quebradiços.

10 Tratamentos Caseiros para o Cabelo: O Que Funciona?

Além disso, alguns tratamentos de queratina contêm formaldeído, um composto químico que pode ser prejudicial à saúde quando inalado ou absorvido pela pele.

Portanto, é importante escolher produtos dessa substância de qualidade e seguir as instruções de uso com cuidado para evitar danos aos cabelos e à saúde.

Confira outras receitas em nosso site e siga nossa página no Facebook para ficar por dentro das novidades mais populares da culinária!

Em resumo, a queratina é uma proteína importante para a saúde dos cabelos, unhas e pele, mas seu uso deve ser feito com cautela e de acordo com as necessidades individuais.

Ela pode ajudar a fortalecer e reparar cabelos danificados, mas não é uma solução permanente para todos os problemas capilares.

É importante consultar um profissional de beleza ou cabeleireiro qualificado para determinar se tratamentos com essa substância são adequados para o seu tipo de cabelo e condição.

Com os cuidados adequados, essa substância pode ser uma aliada valiosa na busca por cabelos saudáveis e bonitos.

Entre para o nosso grupo no facebook: Hidratação caseira

Imagem de perfil

Escrito por Luciana

Todos os Direitos Reservados ao site - bemaisaude.com.br © 2024 Por Logo Robô das Receitas Robô das Receitas