Como eliminar gases

Como eliminar gases e melhorar o inchaço da barriga

Em geral, a flatulência e o desconforto abdominal são sinais de indigestão, que podem causar gases, uma dieta pobre (dieta pobre em fibras) e uma grande quantidade de comida para uma refeição.

No entanto, o inchaço pode ser um sintoma de doença ou intolerância alimentar, como:

  • Síndrome do intestino irritável;
  • Intolerância à lactose;
  • Intolerância à frutose;
  • Super crescimento bacteriano no intestino delgado;
  • Reações a determinados medicamentos;
  • Ascite (acúmulo anormal de líquidos);
  • Cistos ou tumores abdominais;
  • Doença celíaca;
  • Insuficiência pancreática;
  • Constipação intestinal.

Quando o alimento é digerido no trato digestivo por mais tempo do que o normal, o corpo começa a produzir gases e o intestino incha.

As principais razões para esta situação são:

  • Retenção de líquido no corpo;
  • Uso de cigarro e chicletes;
  • Fermentação de proteínas, carboidratos e gorduras;
  • Enorme volume de ar que, involuntariamente, engolimos durante as refeições (chamado de aerofagia).

Certos alimentos conhecidos como produtores de gás também contribuem para essa condição, como:

  • Bebidas com gás;
  • Açúcar em excesso;
  • Leite (principalmente o integral);
  • Alimentos ricos em fibra (aveia, arroz, abóbora);
  • Vegetais crucíferos (brócolis, cebola, couve-flor, repolho);
  • Leguminosas (feijão, ervilha, grão-de-bico e milho).

Para saber mais sobre a quantidade ideal de cada substância alimentar para o seu corpo, é fundamental consultar um nutricionista. É este profissional que detectará a tolerância alimentar no seu organismo.

Como eliminar gases presos?

  1. Pressione o abdômen: Deite-se de bruços e, com os joelhos dobrados sobre o estômago, contraia a área do estômago. Isso ajudará a eliminá-los;
  2. Massageie a barriga com movimentos específicos: Faça um movimento circular do abdômen de cima para baixo;
  3. Caminhe onde você estiver: na hora do incomodo, é importante caminhar para aliviar os espasmos;
  4. Beba chá: o chá de erva-cidreira tem propriedades antiespasmódicas, graças às quais inibe as cólicas estomacais. O chá de gengibre é outra boa opção, pois contém óleos essenciais como o eugenol para reduzir os espasmos musculares;

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: